CULTURA / Segunda, 12 Abril 2021 12:54

Milton Nascimento vai ganhar filme sobre sua trajetória

Um dos maiores nomes da música popular brasileira vai ter sua história contada em um longa-metragem original da Globoplay

Texto: Redação | Imagem: Augusto Nascimento

Milton Nascimento compartilhou uma foto da gravação do documentário "Milton e o Clube da Esquina" para fazer o anúncio
Introdução:

Um dos maiores nomes da música popular brasileira vai ter sua história contada em um longa-metragem original da Globoplay

Texto: Redação | Imagem: Augusto Nascimento

Milton Nascimento, um dos maiores nomes da música popular brasileira , terá sua história contada em um longa-metragem original da Globoplay. Nas redes sociais, o cantor de 78 anos contou sobre o contrato já assinado por seu filho e empresário Augusto Nascimento, com o produtor Fabiano Gullane.

A imagem usada para o anúncio do filme pertence aos bastidores da gravação da série documental "Milton e o Clube da Esquina", que conta a história do grupo formado nos anos 70 por Milton, Beto Guedes, Márcio Borges e Fernando Brant. O longa-metragem ainda não tem data definida para estrear, mas a obra sobre sua atuação no "Clube da Esquina", já está disponível na plataforma de streaming da Globo.

A arte de Bituca 

O apelido "Bituca" veio da época de infância, que viveu em Minas Gerais, e também é usado por amigos e colegas de trabalho hoje em dia. Milton é autor de grandes obras, como "Maria, Maria" e "Travessia", premiada em 1967.

Milton Nascimento anuncia filme sobre sua trajetóriaFoto: Reprodução/Instagram

O cantor relembrou em suas redes sociais sobre a premiação e um do marcos de sua carreira. "Eu não gostava do clima competitivo dos festivais! Tinha entregado uma fita com três músicas para o Agostinho dos Santos e sem eu saber ele as inscreveu no Festival Internacional da Canção, de 1967. Todas foram classificadas e “Travessia” ganhou a segunda colocação", escreveu o artista.

Durante o período de ditadura militar no Brasil, o cantor e compositor fez parte do grupo de artistas que sofreu com a perseguição das autoridades do país. Atualmente, o posicionamento político firme se mantém. "Viva o SUS, viva a ciência e Fora Bolsonaro", comentou Milton, quando compartilhou a notícia de que havia sido vacinado contra a Covid-19.

 Apoie jornalismo preto e livre!

 O funcionamento da nossa redação e a produção de conteúdos dependem do apoio de pessoas que acreditam no nosso trabalho. Boa parte da nossa renda é da arrecadação mensal de   financiamento coletivo e de outras ações com apoiadores. 

 Todo o dinheiro que entra é importante e nos ajuda a manter o pagamento da equipe e dos colaboradores em dia, a financiar os deslocamentos para as coberturas, a adquirir novos   equipamentos e a sonhar com projetos maiores para um trabalho cada vez melhor. 

 O resultado final é um jornalismo preto, livre e de qualidade.

 Acesse aqui nosso Catarse

NEWSLETTER

Fique por dentro de tudo que acontece. Se inscreva e receba nossas notícias toda semana.

VÍDEOS

juventudeeracismo.jpg
boletim39.jpg
ccsp.jpg
umanobetofreitas.jpg