COTIDIANO / Segunda, 08 Março 2021 10:07

Mais afetadas pela pandemia, 37 milhões de mulheres receberam o auxílio emergencial em 2020

As mães-solo representam 10,8 milhões, 28% do total de mulheres que receberam o auxílio; campanha pede retomada do programa de renda até o fim da pandemia

Texto: Redação | Imagem: Reprodução/Senado Federal

mulheres
Introdução:

As mães-solo representam 10,8 milhões, 28% do total de mulheres que receberam o auxílio; campanha pede retomada do programa de renda até o fim da pandemia

Texto: Redação | Imagem: Reprodução/Senado Federal

Números levantados pela coordenação da campanha #auxilioateofimdapandemia, com base na Pesquisa Nacional por Amostragem de Domicílio (Pnad), revelam que 37,8 milhões de mulheres receberam o auxílio emergencial em 2020. As mães-solo representam 10,8 milhões, 28% desse total. Os homens que receberam o benefício somam 30,4 milhões.

A manutenção do programa de renda durante a pandemia da Covid-19 deve voltar a ser discutida no Congresso Federal nos próximos dias, com a proposta de PEC Emergencial. Para a diretora de Relações Institucionais da Rede Brasileira de Renda Básica, Paola Carvalho, os parlamentares precisam levar em conta o impacto sobre a situação das mulheres brasileiras.

"Na semana que se inicia com o Dia Internacional da Mulher e quando se espera da votação pelo Congresso Nacional da Proposta da PEC emergencial, o receio é de que, além da redução de valor do benefício, tenhamos novamente a repetição de gargalos e falhas do sistema que contemplou quem não deveria receber e deixou de fora quem mais precisava", explica a diretora de uma das organizações que integra a campanha de movimentos sociais para a manutenção do auxílio no valor de R$ 600 até o fim da crise sanitária.

A Pnad, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), mostra ainda que além de terem sido mais afetadas pela pandemia, as mulheres tiveram que cuidar de familiares dependentes e ainda vão enfrentar uma retomada de empregos muito mais lenta. A participação de mulheres na força de trabalho caiu 14% em relação a 2019, totalizando 45%. No ano passado, a tímida retomada de empregos foi liderada por homens.

"Esses dados são apenas um breve retrato da profunda desigualdade do nosso país, quando falamos da relação entre homens e mulheres. Como se não bastasse a violência física que sofrem, cabe a elas o sustento da casa, dos filhos e até de dependentes, o que ficou muito claro nessa pandemia", comenta Paola.

Segundo a Pnad, o número de pessoas na extrema pobreza chegou a 17,3 milhões no início de 2021, puxado pelo fim do auxílio emergencial em dezembro do ano passado. O estudo indica que o Brasil retrocedeu 15 anos em cinco, com mais de 84 milhões de pessoas enfrentando algum grau de insegurança alimentar - quando o acesso regular e a disponibilidade de alimentos são escassos. Entre os brasileiros mais afetados pela fome estão as mulheres, junto com negros, população rural e os moradores das regiões Norte e Nordeste.

A campanha #auxilioateofimdapandemia, iniciativa do movimento Renda Básica Que Queremos, conta com o apoio de mais de 300 organizações da sociedade civil. A iniciativa possui uma petição online para a volta imediata do auxílio emergencial. Mais de 68 mil pessoas já assinaram.

 Apoie jornalismo preto e livre!

 O funcionamento da nossa redação e a produção de conteúdos dependem do apoio de pessoas que acreditam no nosso trabalho. Boa parte da nossa renda é da arrecadação mensal de   financiamento coletivo e de outras ações com apoiadores. 

 Todo o dinheiro que entra é importante e nos ajuda a manter o pagamento da equipe e dos colaboradores em dia, a financiar os deslocamentos para as coberturas, a adquirir novos   equipamentos e a sonhar com projetos maiores para um trabalho cada vez melhor. 

 O resultado final é um jornalismo preto, livre e de qualidade.

 Acesse aqui e apoie a Alma Preta Jornalismo

NEWSLETTER

Fique por dentro de tudo que acontece. Se inscreva e receba nossas notícias toda semana.

VÍDEOS

novageracaoskate.jpg
temclimapraisso8.jpg
flagrapmbahia.jpg
anasanches7.jpg