COTIDIANO / Segunda, 05 Julho 2021 16:18

Clube pernambucano homenageia primeiro jogador negro em novo uniforme

Nova camisa do Santa Cruz Futebol Clube carrega uma homenagem à Teófilo de Batista Carvalho, o “Lacraia”, o primeiro negro a atuar oficialmente em um time de futebol de Pernambuco

Texto: Redação I Edição: Lenne Ferreira I Imagem: Reprodução/Twitter

Clube homenageia primeiro jogador negro em novo uniforme
Introdução:

Nova camisa do Santa Cruz Futebol Clube carrega uma homenagem à Teófilo de Batista Carvalho, o “Lacraia”, o primeiro negro a atuar oficialmente em um time de futebol de Pernambuco

Texto: Redação I Edição: Lenne Ferreira I Imagem: Reprodução/Twitter

Como ação conjunta ao Dia Nacional do Combate à Discriminação Racial, último 3 de julho, o Santa Cruz Futebol Clube decidiu homenagearo primeiro negro a atuar em times de futebol de Pernambuco. Teófilo de Batista Carvalho, mais conhecido como Lacraia, agora faz parte da camisa da temporada 2021 do time, nas cores preta e dourado. 

O futebolista homenageado também foi um dos fundadores do time. Uma curiosidade é, que, devido à sua contribuição para a história do esporte local, o escudo do time, além das cores branco e vermelho, carrega a cor preta. 

A novidade que integra o uniforme é resultado de um projeto de marketing desenvolvido pelo Santa Cruz e intitulado “Operação Ecdise”. Como regulamento da ação, possíveis modelos do nova camisa foram apresentadas a uma comissão composta por membros do clube e colocados em votação final dos sócios.

oie w9eYeriJOT2F

“Somos o Clube de Lacraia, primeiro negro a atuar no futebol pernambucano. Somos o Clube do Povo. Condenamos a Discriminação Racial”, declara o clube.

Leia também: Primeira lei de combate ao racismo completa 70 anos

Durante o lançamento, o clube celebrou a novidade e se mostrou contra a  qualquer tipo de violência de caráter racial. A posição foi dada em nota veiculada nas redes sociais. “Somos o Clube de Lacraia, primeiro negro a atuar no futebol pernambucano. Somos o Clube do Povo. Condenamos a Discriminação Racial”, declarou. 

A ação foi bem vista pelos internautas e gerou comoção dos torcedores para mais homenagens ao ex-jogador. “O nome do centro de treinamento deveria levar o nome dele”, sugeriu um seguidor. 

Informações como quando e por quanto a nova camisa será vendida aos tricolores ainda não foram repassadas pelo time.

Leia também: Olinda aprova Estatuto de Igualdade Étnico Racial

 

 Apoie jornalismo preto e livre!

 O funcionamento da nossa redação e a produção de conteúdos dependem do apoio de pessoas que acreditam no nosso trabalho. Boa parte da nossa renda é da arrecadação mensal de   financiamento coletivo e de outras ações com apoiadores. 

 Todo o dinheiro que entra é importante e nos ajuda a manter o pagamento da equipe e dos colaboradores em dia, a financiar os deslocamentos para as coberturas, a adquirir novos   equipamentos e a sonhar com projetos maiores para um trabalho cada vez melhor. 

 O resultado final é um jornalismo preto, livre e de qualidade.

 Acesse aqui e apoie a Alma Preta Jornalismo

NEWSLETTER

Fique por dentro de tudo que acontece. Se inscreva e receba nossas notícias toda semana.

VÍDEOS

melly.jpg
cafe.jpg
entrevistalazaroramos.jpg
lucaskinte.jpg