AGENDA / Terça, 07 Setembro 2021 11:49

Nova edição do Afro Presença oferece mais de 6 mil oportunidades de trabalho

A segunda edição do evento voltado para população negra acontece online e gratuitamente nos dias 8, 9 e 10 de setembro; inscrições estão abertas e programação traz debates, oficinas, aulas e apresentações de artistas renomados

Texto: Redação | Imagem: Reprodução

Mulher negra está com uma camisa social branca e sorri enquanto olha para tela do notebook
Introdução:

A segunda edição do evento voltado para população negra acontece online e gratuitamente nos dias 8, 9 e 10 de setembro; inscrições estão abertas e programação traz debates, oficinas, aulas e apresentações de artistas renomados

Texto: Redação | Imagem: Reprodução

O Afro Presença 2021, evento idealizado e coordenado pelo MPT-SP (Ministério Público do Trabalho em São Paulo) e com realização da Rede Brasil do Pacto Global da ONU (Organização das Nações Unidas), chega à sua segunda edição em formato digital e gratuito nos próximos dias 8, 9 e 10 de setembro.

O projeto, que conta com o apoio do poder público, da iniciativa privada e da sociedade civil, visa encorajar o diálogo e ações afirmativas para a inclusão de universitários e universitárias negros e negras no mercado de trabalho.

 

Pensando em formas práticas de contribuir com a mudança da realidade, além de programação de palestras, aulas magnas, debates, painéis e oficinas, o Afro Presença se une à 99jobs, Cia de Talentos, EmpregueAfro e CIEE para viabilizar mais de 6 mil vagas de emprego em diferentes áreas.

A procuradora Valdirene Silva de Assis, coordenadora da Coordigualdade do MPT-SP e do Projeto Nacional de Inclusão de Jovens Negras e Negros Universitários do MPT, chama atenção para o fato de que atualmente o país possui apenas 5% de pessoas negras em posições de liderança dentro das empresas.

“Além do desemprego e da falta de oportunidades de inclusão para pessoas negras, temos que insistir que essa população seja desenvolvida por parte das organizações e que, de fato, seja acolhida nos ambientes corporativos. Estamos falando de um grupo de pessoas que tem chegado cada vez mais no mercado de trabalho com altos níveis técnicos, com hard skills e soft skills, mas que infelizmente ainda não se sentem parte das organizações, ou não são devidamente valorizadas por elas”, explica.

O evento conta ainda com a participação de marcas como B3, BASF, Bayer, Bradesco, BTG Pactual, Coca-Cola, Colgate, Dow Química, Itaú, J.P. Morgan Brasil, Natura, Santander, TIM e Unilever que trarão oportunidades de trabalho e conteúdos para a programação do Afro Presença 2021.

“Estamos muito felizes por termos marcas empenhadas em mudar o mercado de trabalho no Brasil conosco neste evento. As mudanças são urgentes e precisamos do empenho do setor público e privado para co-criarmos um mercado mais inclusivo, diverso e igualitário”, afirma Carlo Pereira, diretor-executivo da Rede Brasil do Pacto Global.

Leia também: Trabalhadores negros (as) ocupam o topo das estatísticas de desemprego no país

Debates sobre mundo corporativo

Com curadoria de Cris Guterres, o evento digital e gratuito reúne em sua programação cerca de 180 horas de conteúdo, 3 aulas magnas, 3 performances artísticas e mais de 70 mesas de debates.

Com conteúdos divididos nas temáticas “Sociedade em Debate”, “Carreira em Debate”, “Mercado em Debate”, “Conferência Livre dos Movimentos Sociais” e “Vitrine de Oportunidades”, o evento traz nomes de peso como a jornalista e apresentadora Luciana Barreto, a jornalista Flávia Oliveira, o jornalista e crítico de TV Mauricio Stycer, o jornalista, escritor, cartunista e ativista na luta pela igualdade racial no Brasil Maurício Pestana, a produtora e atriz Maria Gal, a atriz, jornalista, apresentadora e ex-atleta olímpica Lica Oliveira, o ex-atleta e um dos principais nome do atletismo brasileiro Zequinha Barbosa, o ator brasileiro Val Perré, e a premiada poetisa, jornalista, escritora, cantora e atriz brasileira Elisa Lucinda.

O influenciador e criador do “Voz das comunidades" Rene Silva, a stylist e editora de moda Suyane Ynaya, a artista Igi Ayedun, a jornalista Luiza Brasil, a ativista climática Amanda da Cruz Costa ,o fundador e CEO da Empodera Leizer Vaz Pereira, a CEO da EmpregueAfro Patrícia Santos, e a fundadora e diretora executiva do ID_BR Luana Génot, também farão parte dos diversos debates acerca de temas como sustentabilidade, futuro do mercado de trabalho, saúde mental, cultura. Já as aulas magnas ficarão a cargo da historiadora e antropóloga Lilia Schwarcz, do cofundador do Instituto Brasileiro da Diversidade e ativista do movimento negro Hélio Santos, e do antropólogo brasileiro-congolês especialista em antropologia da população afro-brasileira, Kabengele Munanga.

Apresentações de artistas renomados

A parte do entretenimento do Afro Presença 2021 fica por conta do espetáculo teatral “Solano, Vento Forte Africano”, que conta sobre a trajetória do artista Solano Trindade, além de apresentações da rapper, cantora e compositora MC Soffia e do icônico Olodum, considerado um patrimônio imaterial da Bahia, com perfomance em conjunto com a prestigiada cantora Margareth Menezes.

Cantora Margareth Menezes se apresenta no Afro Presença junto com o Olodum. | Foto: José de Holanda/DivulgaçãoCantora Margareth Menezes se apresenta no Afro Presença junto com o Olodum. | Foto: José de Holanda/Divulgação

“A programação é um reflexo do evento que desejamos entregar para a população negra, um evento criado com foco em mercado de trabalho e carreira, em debater e lutar contra as desigualdades, mas também um lugar onde pessoas negras possam se sentir seguras, debater sobre diversos temas, trazer suas perspectivas e, também se divertirem. Esperamos que todos os participantes possam ser impactados positivamente pelo conteúdo disponibilizado durante o evento, e que cada vez mais pessoas negras derrubem muros e abram portas”, ressalta Valdirene Assis, do MPT-SP.

Para conferir a programação completa e participar, basta acessar o site www.afropresenca.com.br e preencher o formulário de inscrição. As inscrições estarão abertas até o final do evento (10 de setembro).

 Apoie jornalismo preto e livre!

 O funcionamento da nossa redação e a produção de conteúdos dependem do apoio de pessoas que acreditam no nosso trabalho. Boa parte da nossa renda é da arrecadação mensal de   financiamento coletivo e de outras ações com apoiadores. 

 Todo o dinheiro que entra é importante e nos ajuda a manter o pagamento da equipe e dos colaboradores em dia, a financiar os deslocamentos para as coberturas, a adquirir novos   equipamentos e a sonhar com projetos maiores para um trabalho cada vez melhor. 

 O resultado final é um jornalismo preto, livre e de qualidade.

 Acesse aqui nosso Catarse

NEWSLETTER

Fique por dentro de tudo que acontece. Se inscreva e receba nossas notícias toda semana.

VÍDEOS