fbpx

Apresentação de Aloysio Letra contará com participação especial de Renato Pessoa

Texto / Thalyta Martina
Imagem / Felipe Ribeiro

Aloysio Letra fará show de MPB às 20 horas no Aparelha Luiza, localizado na Rua Apa, 78, no próximo sábado (20).

De acordo com o artista, a ideia da apresentação surgiu ano passado quando pensou em voltar ao formato voz e violão como um prólogo para seu próximo trabalho, que terá caráter mais autoral. Em "Letra e canção" revisita canções e interpretações que fez ao longo de andanças periféricas, entre covers e composições autorais.

Renato Pessoa, que participará em duas músicas com voz e percussão, tem parceria com Aloysio desde 2016, quando o convidou para integrar a equipe de um projeto. Os dois trabalharam juntos pela primeira vez na Virada Cultural paulista de 2016 na Casa de Cultura Raul Seixas.

Segundo Pessoa, o encontro continua com disciplina, harmonia, leveza e cumplicidade. “O que se traduz no palco é um momento de forte comunhão e identificação entre corpos/vozes/caminhos/versos negros”, afirma.

“Temos varias particularidades e também muito em comum, em especial a preocupação com povos originários e negros no contexto urbano, coisa que permeia nossa obra.”, explica Letra.

Dessa parceria nasceu, em 2017, o projeto “Letra Preta Pessoa”, que propõe um duo entre esses dois artistas que encontraram-se em São Paulo e identificaram-se a partir dessa musicalidade. O objetivo da parceria é registrar quatro faixas autorais que serão gravadas posteriormente e veiculadas através das mídias sociais e demais veículos. Duas delas estarão no “Letra e Canção” no sábado.

O público pode esperar “a nova volta de um ‘cantautor’ negro”, segundo Aloysio, que espera poder cantar como faz no quarto de casa ou nas ruas de São Paulo; e “um momento de impar de música, arte e aprendizado, que traz cantigas inéditas da atual cena brasileira bem como antigas e consagradas sob a releitura de Aloysio”, de acordo com Renato.

Serviço

Local: Rua Apa, 78 - Quilombo Urbano Aparelha Luzia
Dia: 20 de janeiro de 2018
Horário: 20h
Realização: A.Letra / Negrume / Turnê SaraÔnica / Aparelha Luzia
Entrada Livre

 O povo preto quer narrar suas histórias

Vivemos em um mundo de disputa. Nossa sociedade tem profundas marcas das desigualdades que foram desenhadas ao longo da história. Na atualidade parece que há espaço para debate, a tão falada representatividade está sobre a mesa.
Mas o povo preto quer mais. Queremos narrar nossas próprias histórias. Queremos ter direito de fala não somente quando essa é concedida. Somos múltiplos, somos muitos e plurais. A ótica de ser preto no Brasil se revela como um espectro, tamanha a diversidade dos povos ancestrais que nos originaram, e a variedade de experiências que podemos ter e ser. Pertencer. O que nos conecta é pele.

Apoie o Alma Preta e nos ajude a continuar contando todas essas histórias.

Vamos fazer jornalismo na raça!

Sobre o Alma Preta

O Alma Preta é uma agência de jornalismo especializado na temática racial do Brasil. Em nosso conteúdo você encontra reportagens, coberturas, colunas, análises, produções audiovisuais, ilustrações e divulgação de eventos da comunidade afro-brasileira. Nosso objetivo é construir um novo formato de gestão de processos, pessoas e recursos através do jornalismo qualificado e independente.

Contato

E-mail
jornalismoalmapreta(@)gmail.com