fbpx

Movimento Passe Livre (MPL) organiza segundo ato contra o aumento da tarifa na cidade de São Paulo

Texto / Thalyta Martina
Imagem / Divulgação

No dia 17 de janeiro, quarta-feira, o Movimento Passe Livre (MPL) organiza ato para barrar o aumento da tarifa do transporte coletivo na cidade de São Paulo. O valor de R$ 4,00 passou a valer no dia sete de janeiro e motivou o primeiro ato contra a decisão que ocorreu no último dia 11.

A concentração do protesto ocorre em frente a casa do prefeito de São Paulo, João Dória (PSDB), uma das dez maiores casas da cidade, localizada na Rua Itália, 414, Pinheiros, a partir das 17h.

Segundo a organização, o primeiro ato reuniu 10 mil pessoas.

Com a ordem “vamos às ruas exigir um transporte verdadeiramente público” os manifestantes reivindicam tarifa zero para todos.

 O povo preto quer narrar suas histórias

Vivemos em um mundo de disputa. Nossa sociedade tem profundas marcas das desigualdades que foram desenhadas ao longo da história. Na atualidade parece que há espaço para debate, a tão falada representatividade está sobre a mesa.
Mas o povo preto quer mais. Queremos narrar nossas próprias histórias. Queremos ter direito de fala não somente quando essa é concedida. Somos múltiplos, somos muitos e plurais. A ótica de ser preto no Brasil se revela como um espectro, tamanha a diversidade dos povos ancestrais que nos originaram, e a variedade de experiências que podemos ter e ser. Pertencer. O que nos conecta é pele.

Apoie o Alma Preta e nos ajude a continuar contando todas essas histórias.

Vamos fazer jornalismo na raça!

Sobre o Alma Preta

O Alma Preta é uma agência de jornalismo especializado na temática racial do Brasil. Em nosso conteúdo você encontra reportagens, coberturas, colunas, análises, produções audiovisuais, ilustrações e divulgação de eventos da comunidade afro-brasileira. Nosso objetivo é construir um novo formato de gestão de processos, pessoas e recursos através do jornalismo qualificado e independente.

Contato

E-mail
jornalismoalmapreta(@)gmail.com