Ainda não há data para o lançamento oficial do Instituto, que deve acontecer em março de 2019, quando se completa um ano do assassinato de Marielle Franco; família busca parceiros para fortalecer a iniciativa

Texto / Pedro Borges
Imagem / DIvulgação

A ex-vereadora do Rio de Janeiro, Marielle Franco, assassinada em 14 de março de 2018, agora terá um instituto em sua homenagem. O Instituto Marielle Franco, organizado pelos familiares da ativista e defensora dos direitos humanos tem previsão de lançamento oficial em março deste ano, quando se completam um ano do crime.

Marinete, Antônio, Anielle e Luyara, mãe, pai, irmã e filha de Marielle, respectivamente, decidiram criar o espaço como forma de honrar o legado da ex-vereadora e de transformar o espaço em local de resistência e luta.

“Nós estávamos sofrendo muito. Muito mesmo. Mais forte do que ainda hoje sendo convidadas a participar de vários eventos. Ainda estamos de luto. Viajando o mundo e ainda de luto. Foi quando percebemos que é um legado enorme. É uma causa mundial. E nós temos sangue de Marielle. Não tínhamos como ficar parados e não darmos continuidade a tudo que ela começou. Decidimos então unir forças para fazer algo pra honrar o nome e o nosso sangue ali derramado”, conta a jornalista Anielle Franco.

O assassinato de Marielle Franco repercutiu em todo o mundo. Pesquisa da FGV mostrou que na época, entre o dia 14 e 16 de março, mais 1,16 milhão de menções ao nome da ex-vereadora foram feitos no Twitter, o que ajudou a caracterizar o crime como de escola internacional. Por isso, Anielle acredita ser fundamental representar o legado da irmã.

“É honrar o nome de uma mulher que virou semente. Uma mulher que venceu estatísticas. É honrar nossa família, nossa sangue, nossos valores. Pra mim, em especial, é saber que ancestralidade importa e que iremos até o final”, diz.

O instituto, ainda localizado no bairro de Bonsucesso, no Rio de Janeiro (RJ), deverá se mudar em breve para um local maior. Lá, a família pretende oferecer para a comunidade aulas, rodas, palestras, entre outras atividade, baseadas nos princípios de Marielle Franco. Além disso, o objetivo é oferecer uma psicóloga, uma advogada e oficinas de escrita para a comunidade.

Para o desenvolvimento do espaço, a família tem se articulado na busca de parceiros. Os interessados em colaborar para o desenvolvimento do projeto podem entrar em contato pelo email do espaço Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. .

Sobre o Alma Preta

O Alma Preta é uma agência de jornalismo especializado na temática racial do Brasil. Em nosso conteúdo você encontra reportagens, coberturas, colunas, análises, produções audiovisuais, ilustrações e divulgação de eventos da comunidade afro-brasileira. Nosso objetivo é construir um novo formato de gestão de processos, pessoas e recursos através do jornalismo qualificado e independente.

Contato

E-mail
jornalismoalmapreta(@)gmail.com

Mais Lidos