Cortejo contou com a presença de figuras históricas da luta antirracista brasileira, como Conceição Evaristo, Milton Barbosa, Esmeralda Ribeiro, Cuti, entre outros; bloco reuniu mais de 20 mil pessoas nas ruas do centro de São Paulo

Texto / Pedro Borges
Foto / Pedro Borges

O Ilú Oba de Min desfilou pelo carnaval de São Paulo na noite do dia 1 de Março com o tema “Vozes Negras”, uma homenagem à luta antirracista brasileira. Cerca de 20 mil pessoas acompanharam o cortejo, que contou com uma bateria de 450 tocadoras, e com uma comissão de frente composta por ativistas históricos do movimento negro nacional, como Conceição Evaristo, Milton Barbosa, Esmeralda Ribeiro, Cuti, Juarez Xavier, Jupiara Castro, Maria José Menezes, entre outros.

Ilu Oba de Min Corpo 1

Fantasias do Ilú Oba de Min fizeram uma homenagem aos orixás (Foto: Pedro Borges/Alma Preta)

Conforme a comissão de frente passava pelas ruas do centro da cidade, os foliões aplaudiam e reverenciavam os homenageados. Esse fato foi presenciado do início do bloco, que se concentrou na Praça da República, até o destino final, nas escadarias do Teatro Municipal.

O encerramento do cortejo reuniu todos militantes históricos da luta antirracista em frente ao Teatro Municipal para uma foto e contou com a leitura de um texto manifesto, ambos atos em recordação e homenagem à fundação do Movimento Negro Unificado (MNU), em 1978.

Ilu Oba de Min Corpo 2

Conceição Evaristo com o texto manifesto em homenagem ao movimento negro brasileiro (Foto: Pedro Borges/Alma Preta)

bannerhorizontal

Sobre o Alma Preta

O Alma Preta é uma agência de jornalismo especializado na temática racial do Brasil. Em nosso conteúdo você encontra reportagens, coberturas, colunas, análises, produções audiovisuais, ilustrações e divulgação de eventos da comunidade afro-brasileira. Nosso objetivo é construir um novo formato de gestão de processos, pessoas e recursos através do jornalismo qualificado e independente.

Contato

E-mail
jornalismoalmapreta(@)gmail.com

Mais Lidos