Forma como seu país foi retratado em reportagem incomodou grupo de haitianos

Texto: Solon Neto / Edição de Imagem: Solon Neto

No último dia 08/06, durante a transmissão do jogo Brasil x Haiti, a Rede Globo exibiu reportagem de uma viagem de Luciano Huck ao Haiti. No vídeo, imagens de miséria e degradação são exibidas e retratam um cenário desolador.

Indignados com a forma que seu país fora retratado, um grupo de seis haitianos, moradores de Curitiba-PR, resolveu gravar uma resposta ao apresentador.

No vídeo, Alinx Daniel, Apollon Mardochée, Compére Jerson, Esdras Hector, Marthatias Barthelus e Sony Sylvelus dizem que a forma como seu país de origem foi retratada prejudica os haitianos e é uma visão parcial, pois mostra apenas uma bairro, o Cite Soleil. Na gravação, eles afirmam que o Haiti voltou a ser um dos destinos mais procurados do Caribe, e que material pode atrapalhar o país.

Sony Sylvelus vive há 3 anos no Brasil, e falou ao Alma Preta sobre o caso. Sony tem formação na área de Tecnologia da Informação, área em que trabalha no Brasil. Cursando sua segunda graduação, o haitiano está se formando em Análise de Sistemas. Sony afirmou que ele e seus amigos gravaram o vídeo “para poder deplorar a triste maneira de mostrar nosso país”. Segundo ele, as imagens do bairro mais pobre do Caribe, Cite Soleil, deturpam a imagem do Haiti, afinal “qualquer pais do mundo tem miséria , pobreza, insegurança”.

O profissional de TI ficou indignado ao ver como seu país fora diminuído. “Se no caso, uma imprensa estrangeira vir aqui e depois fazer uma reportagem sobre Brasil mostrando apenas o lado feio do Brasil, você concordaria com eles?”.

O racismo no Brasil costuma afetar também estrangeiros negros. Sony afirma que conhece muita gente que sofre com racismo no país, mas diz que nunca sofreu com o problema. Quando perguntado se o Brasil é racista, ele respondeu “Até o brasileiro sabe que o Brasil é racista”.

Assista o vídeo abaixo: 

bannerhorizontal

Sobre o Alma Preta

O Alma Preta é uma agência de jornalismo especializado na temática racial do Brasil. Em nosso conteúdo você encontra reportagens, coberturas, colunas, análises, produções audiovisuais, ilustrações e divulgação de eventos da comunidade afro-brasileira. Nosso objetivo é construir um novo formato de gestão de processos, pessoas e recursos através do jornalismo qualificado e independente.

Contato

E-mail
jornalismoalmapreta(@)gmail.com

Mais Lidos