Com atrações como Xaxado Novo, Rincon Sapiência, Maracatu Nação Kambinda, Bia Ferreira, Mestre Tião Carvalho e Mãe Beth de Oxum, evento deve reunir 10 mil pessoas na Praça do Campo Limpo

Texto / Divulgação
Imagem / Reprodução Mãe Beth de Oxum, por Rafael Martins

Feito para ser o #maiorterreirodomundo, o Festival Percurso 2018 ocorre no próximo dia 09 de dezembro na Praça do Campo Limpo, na zona sul de São Paulo (SP). A entrada é gratuita e conta com de 40 atrações programadas. A proposta é valorizar a cultura dos terreiros.

A organização do evento espera cerca de 10 mil pessoas e oferece uma programação que alcança crianças, jovens, adultos e idosos. A proposta é levar ao público atividades educacionais e de entretenimento, além de formas de gerar renda por meio das tendas e oficinas.

“O lema do Festival Percurso é Juventude Periférica, gerando renda, trabalho e desenvolvimento local, o que significa que a nossa visão de geração de renda está ligada ao desenvolvimento comunitário”, contou Alex Barcelos, produtor cultural da Agência Solano Trindade.

O festival, que é organizado pela Agência Popular Solano Trindade, recebe neste ano atrações como Xaxado Novo, Mestre Tião Carvalho, que comemora 40 anos de carreira, Bia Ferreira, Mãe Beth de Oxum, de Recife (PE), Rincon Sapiência , Slam das Minas e o Maracatu Nação Kambinda, de Embu das Artes, homenageando Raquel Trindade, artista plástica, coreógrafa, carnavalesca, escritora e folclorista brasileira.

Confira a programação de algumas tendas

A Tenda das Yabás homenageia mães rainhas e os orixás femininos, exaltando a força artística das mulheres da periferia. Está confirmada a presença do coletivo União Popular de Mulheres, que desde a década de 1960 promove a emancipação e conquista plena dos direitos da mulher. Também está confirmada a presença da Aldeia Tenodé Porã, com intervenção artística do coral de índios Guarani, ao som de rabeca e violão.

O espaço recebe também a Associação de Kung Fu Garra de Águia Lily Lau, de Taboão da Serra, apresentando o espetáculo Dança de Leão, do folclore chinês, para espantar maus espíritos e trazer sorte e prosperidade.

Na tenda acontece também roda de conversa com doulas, apresentação teatral com a companhia Satyros, apresentação musical e artística com Funk de Griffe, Graja-Minas e poesia com o Slam das Minas.

Na Tenda dos Povos, com curadoria do mestre Aderbal Ashogun, ocorrerá o Encontro dos Povos de Terreiro, Juventude Camponesa, Quilombolas, Índios Guaranis e Pataxós e Afoxé, homenageando o mestre Moa do Katende, assassinado no mês de outubro em salvador após uma discussão política.

O espaço Perifa Talks recebe palestra no formato TED, com empreendedores sociais que compartilharão histórias de vida e trajetórias inspiradoras. Estão confirmadas as presenças de Mãe Beth de Oxum, que é de Recife (PE), de Adriana Barbosa, da Feira Preta, e de Aderbal Ashogun, da Rede AfroAmbiental.

Já no espaço Feira Paulo Singer, uma homenagem à famosa feira da Agência Solano Trindade, o público pode encontrar novidades da moda, acessórios e artesanatos. Já está confirmada a presença da Boutique da Krioula.

Alimentando Pontes

O espaço “Alimentando Pontes” foi pensado por meio de uma parceria entre a Agência Solano Trindade e a Chef Bel Coelho, premiada chef do Clandestino e apresentadora do programa Receita de Viagem (TCL Discovery). O objetivo é promover e democratizar o ato de comer bem.

O evento traz 20 tipos de comidas diferentes, sem falar nos tradicionais tutu de feijão, baião de dois e pastéis de panc. A chef Tia Nice, da Cozinha Criativa da Agência Solano Trindade, Aderbal Ashogun, do Ilê Omi Juaro, de Nova Iguaçu (RJ), o chef Luciano Nardelli, da premiada Pizzaria Carlos e o chef Edson Leite, do Gastronomia Periférica, são alguns dos convidados.

“Os chefs convidarão o público para uma experiência deliciosa, com um bom papo, apreciando uma cerveja artesanal da roça, o que é garantia de bom rango”, anunciou a organização.

Mais informações sobre o festival podem ser obtidas no link.

 

Sobre o Alma Preta

O Alma Preta é uma agência de jornalismo especializado na temática racial do Brasil. Em nosso conteúdo você encontra reportagens, coberturas, colunas, análises, produções audiovisuais, ilustrações e divulgação de eventos da comunidade afro-brasileira. Nosso objetivo é construir um novo formato de gestão de processos, pessoas e recursos através do jornalismo qualificado e independente.

Contato

E-mail
contato(@)almapreta.com

Mais Lidos