Evento conta com apresentações culturais, rodas de conversa e oficinas. Crianças também têm espaço com atividades específicas

Texto / Thalyta Martins
Imagem / Tiago Zenero

Em homenagem ao Dia da Mulher Afro Latina e Caribenha, acontece em 24 de julho a Feira Ancestralidade e Resistência, no Pátio São Pedro, em Recife. Oficinas, rodas de diálogo, apresentações artísticas e comercialização de produtos serão o foco da organização.

Agenda

A programação começa às 8h30 com apresentação de afoxé, segue com oficina de gastronomia sobre comidas de religiões de matriz africana, comida afro-brasileira e a gastronomia afro no empoderamento feminino. Logo depois, às 14h30, a programação oferece oficina de poesia sobre ancestralidade com Adailta Alves, seguida de contação de histórias oriundas do continente africano; conversa sobre arte e ancestralidade da mulher negra latinoamericana e caribenha, com as artistas Lia de Itamaracá e Janaína Gomes e mediação da jornalista Karol Pacheco.

O evento terá também roda de diálogo sobre novas plataformas que disseminam o feminismo negro com as youtubers Tia Má, de Salvador, Uana Mahin, de Recife, com mediação da jornalista de Lenne Ferreira; e Recital Boca no Trombone + Slam das Minas.

Durante a noite, o público poderá prestigiar apresentações de Lia de Camaragibe; Flor de Mulungu; Perfomance Aurora Boreal; Isaar; 808 Crew; Rayssa Dias e Dj Mayara Cajueiro nos intervalos.

A Feira é organizada pela Secretaria da Mulher e acontecerá em Santo Antônio, Recife. A entrada é gratuita.

Sobre o Alma Preta

O Alma Preta é uma agência de jornalismo especializado na temática racial do Brasil. Em nosso conteúdo você encontra reportagens, coberturas, colunas, análises, produções audiovisuais, ilustrações e divulgação de eventos da comunidade afro-brasileira. Nosso objetivo é construir um novo formato de gestão de processos, pessoas e recursos através do jornalismo qualificado e independente.

Contato

E-mail
contato(@)almapreta.com

Mais Lidos