fbpx

Conversas fazem parte da programação do espetáculo “Por entre esquinas”, organizado pelo mesmo grupo

Texto / Divulgação I Imagem / Acervo do Fragmento Urbano

O Fragmento Urbano, grupo composto por mulheres e homens negros, propõe espetáculos e debates sobre o universo do homem negro, a partir de suas subjetividades e contradições.

O projeto traz como iniciativa uma série de debates sobre masculinidade negras, com a meta de ampliar o olhar sobre as diversas possibilidades de ser um homem cis ou trans negro dentro da sociedade.

As conversas acontecem através de lives ao vivo, do dia 27 de abril à 3 de maio, às 20h, no instagram do @fragmento_urbano.

Os debates fazem parte da programação do espetáculo “Por entre Esquinas”. As exibições ocorreram nas plataformas digitais entre os dias 25 e 26 de abril e contaram com a participação dos homens do grupo Fragmento Urbano, cuja faixa etária varia entre 30 e 63 anos.

Entre os temas que permeiam a coreografia está os ritos de passagem que, em várias civilizações africanas e ameríndias, passam por um processo de ritual no qual aprendem a caçar, construir e guerrilhar. Demonstrada na “Esquina” onde tudo se vê, muito se aprende, muito se ganha e muito se perde - um dos locais mais acessados na periferia, é também, o lugar onde a masculinidade negra é testada a todo momento.

Programação

01.05 | 20h

Saúde mental do homem negro e periférico: caminhos de cura

Melvin Santhana (diretor musical) convida Everton Mendes


02.05 | 20h

O homem negro a escrever sua versão: universo das palavras escritas

Ivamar Santos (dançarino) convida Tago Dahoma


03.05 | 20h

E o que as mulheres negras e periféricas tem a ver com isso?

Anelise Mayumi (co-diretora do trabalho) convida Deise de Brito

Erramos: O grupo não é apenas formado por homens negros. O coletivo Fragmento Urbano é composto por mulheres e homens negros. Os homens do grupo compõem o espetáculo e todo o coletivo convidou pessoas para debater o tema de masculinidade negra.

bannerhorizontal

Sobre o Alma Preta

O Alma Preta é uma agência de jornalismo especializado na temática racial do Brasil. Em nosso conteúdo você encontra reportagens, coberturas, colunas, análises, produções audiovisuais, ilustrações e divulgação de eventos da comunidade afro-brasileira. Nosso objetivo é construir um novo formato de gestão de processos, pessoas e recursos através do jornalismo qualificado e independente.

Contato

E-mail
jornalismoalmapreta(@)gmail.com