fbpx

O protesto é organizado em Santo André pela Rede de Proteção e Resistência Contra o Genocídio, movimentos sociais, amigos e familiares

Texto: Lucas Veloso | Imagem: Reprodução/TV Globo

Na próxima quinta-feira, 13 de fevereiro, às 9h, será realizada uma manifestação em frente ao Paço Municipal de Santo André por respostas ao desaparecimento de Lucas Eduardo Martins dos Santos, de 14 anos, visto com vida pela última vez há três meses em frente à sua casa, na Favela do Amor, na Vila Luzita.

O protesto é organizado pela Rede de Proteção e Resistência Contra o Genocídio, em conjunto com movimentos sociais, amigos e familiares.

Segundo o laudo necroscópico do Instituto Médico Legal (IML), a causa da morte do adolescente foi por afogamento. Policiais militares são investigados pela Polícia Civil por suposta participação no sumiço e na morte do garoto na Grande São Paulo.

Lucas desapareceu de sua casa em 12 de novembro. De acordo com a família, testemunhas contaram ter visto o menino entrar em uma viatura da Polícia Militar (PM) antes de sumir. O corpo do adolescente foi encontrado em 15 de novembro de 2019 em uma represa da cidade.

Serviço:

Data: 13 de fevereiro (quinta-feira)

Horário: 9h

Local: em frente ao Paço Municipal de Santo André, Praça IV Centenário, S/N, Santo André - SP.

 O povo preto quer narrar suas histórias

Vivemos em um mundo de disputa. Nossa sociedade tem profundas marcas das desigualdades que foram desenhadas ao longo da história. Na atualidade parece que há espaço para debate, a tão falada representatividade está sobre a mesa.
Mas o povo preto quer mais. Queremos narrar nossas próprias histórias. Queremos ter direito de fala não somente quando essa é concedida. Somos múltiplos, somos muitos e plurais. A ótica de ser preto no Brasil se revela como um espectro, tamanha a diversidade dos povos ancestrais que nos originaram, e a variedade de experiências que podemos ter e ser. Pertencer. O que nos conecta é pele.

Apoie o Alma Preta e nos ajude a continuar contando todas essas histórias.

Vamos fazer jornalismo na raça!

Sobre o Alma Preta

O Alma Preta é uma agência de jornalismo especializado na temática racial do Brasil. Em nosso conteúdo você encontra reportagens, coberturas, colunas, análises, produções audiovisuais, ilustrações e divulgação de eventos da comunidade afro-brasileira. Nosso objetivo é construir um novo formato de gestão de processos, pessoas e recursos através do jornalismo qualificado e independente.

Contato

E-mail
jornalismoalmapreta(@)gmail.com